PG realiza reunião para definir ações da Saúde para a temporada de verão

Técnicos da secretaria se reuniram nesta segunda-feira, dia 22

 

Visando ampliar as ações da saúde para o final de 2021 e o começo de 2022, a Secretaria de Saúde Pública (Sesap) de Praia Grande realizou na segunda-feira, dia 22, uma reunião técnica com todos os subsecretários, diretores de departamentos e divisões estratégicas. Foram definidas várias diretrizes para atender a população praia-grandense e o grande fluxo de turistas que visitará a Cidade no período.

 

Um dos objetivos da Saúde é o de intensificar as atuações das equipes de atendimento das unidades de Urgência e Emergência do Município. Praia Grande conta com o Complexo Hospitalar Irmã Dulce, PS Quietude, UPA Samambaia e três bases do Samu, além do atendimento covid-19 no Gripário, instalado no Ginásio Falcão. O objetivo é que com mais profissionais, as unidades ampliem a capacidade de atendimento, garantindo a qualidade dos serviços de saúde para munícipes e turistas.

Outro foco é o atendimento das 30 Unidades de Saúde da Família (Usafas), espalhadas em 100% do território praia-grandense, a maior cobertura da Baixada Santista. As unidades são a porta de entrada ao Sistema Único de Saúde (SUS) em Praia Grande. Além disso, a vacinação contra a covid-19 seguirá diariamente no Ginásio Rodrigão durante toda a temporada de verão.

PROMOÇÃO À SAÚDE – O secretário de Saúde Pública de Praia Grande, Cleber Suckow Nogueira destaca que outra preocupação da Sesap é a de reforçar a promoção e proteção à saúde do Município, especialmente devido aos impactos psicológicos provocados pela pandemia. “Com a queda nos casos de covid-19 e o avanço da vacinação, é preciso ter uma atenção maior com a saúde mental das pessoas, ampliando as ações nessa área”.

Para isso, Praia Grande conta com nove Academias da Saúde, com atividades físicas e de lazer abertas a pessoas de todas as idades. Para o atendimento em saúde mental, o Município oferece os Centros de Atenção Psicossocial (Caps), com médico, psiquiatra, psicólogo, terapeuta ocupacional, equipe de enfermagem. São quatro na Cidade: dois Centros de Atenção Psicossocial (Caps II) Boqueirão e Mirim, um Caps Álcool e Drogas (Caps AD) 24 horas e outro Infantil (Caps i). Além disso, está em implantação as rodas de terapia comunitária nas Usafas, como mais um instrumento de acolhimento e suporte psicológico durante a pandemia.

Questões relativas à saúde da mulher também estão sendo intensificadas, com ações preventivas e de orientação, visando também a redução da mortalidade materno-infantil. O Ceas Mulher, por exemplo, realiza atendimentos relacionados à mama e colo de útero, gestantes e aconselhamento em atenção ao planejamento familiar, colocação de DIU, avaliações cirúrgicas, entre outros serviços.

A central telefônica do Acolhe PG (162) também presta serviço importante nessa área ao acompanhar a presença das gestantes nas consultas de alto risco e também oferece orientações em aleitamento materno por meio do Disk Amamentação (13 3496-5262), entre outros serviços.

Foram abordados ainda na reunião a ampliação da oferta de exames e consultas especializadas, a checagem do abastecimento de insumos para a temporada de verão e a manutenção dos equipamentos públicos de Saúde.

23/11/2021

Foto: Divulgação/ PMPG

 

 

Ecovias

ecovias