Eleições 2022: Datafolha aponta vantagem de Lula sobre Bolsonaro

Lula venceria as eleições presidências contra todos os possíveis candidatos: Jair Bolsonaro, João Doria, Ciro Gomes, Eduardo Leite e Luiz Henrique Mandetta

Após entrevistar 3.667 pessoas em 190 cidades brasileiras, o Instituto Datafolha publicou na sexta-feira, dia 17, pesquisa de intenção de votos para eleição presidencial de 2022 na qual o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) lidera com mais de 40% em todos os cenários apresentados no formato estimulado (onde os nomes são apresentados aos entrevistados). O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) aparece em segundo, com mais de 20%.

 

No cenário A, Lula soma 44% (na pesquisa anterior tinha 46%); enquanto Bolsonaro totaliza 26% (25% na anterior). Em seguida estão Ciro Gomes (PDT), com 9% (8% na anterior); João Doria (PSDB), com 4% (5% na anterior); e o ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta (DEM), com 3% (4% na anterior). Branco, nulo ou nenhum deles totalizou 11% (10% na anterior); e não souberam responder se manteve em 2%, mesmo resultado anterior.

No cenário B, Lula cai para 42% (na anterior tinha 46%); Bolsonaro soma 25% (mesmo resultado de antes); Ciro aparece com 12% (9% na anterior); se o candidato do PSDB for Eduardo Leite, o resultado é 4% (3% na pesquisa anterior); enquanto Mandetta fica com 2% (5% na pesquisa anterior). Brancos, nulos e nenhum somam 11% (10% na pesquisa anterior) e não souberam responder também se manteve em 2%.

O Instituto Datafolha também apresentou aos entrevistados dois novos cenários. No cenário C, os resultados são: Lula - 44%; Bolsonaro - 26%; Ciro - 11%; Doria - 6%. Brancos, nulos e nenhum totalizam 11%; e não souberam atingiu somente 1%. No cenário D, Lula tem 42%; Bolsonaro, 24%; Ciro, 10%; Doria, 5%; José Luiz Datena (PSL) aparece com 4%; Simone Tebet (MDB) com 2%; Aldo Rebelo (sem partido) com 1%; e Rodrigo Pacheco (DEM), com 1%. Brancos, nulos e nenhum somam 10% e não souberam, 2%.

No formato espontâneo (onde não são mostrados os candidatos), a maioria não sabe em quem votar: 38% (eram 42% na pesquisa anterior). Entre os citados, Lula se mantém na frente, com 27% (26% na anterior); Bolsonaro soma 20% (19% na anterior); Ciro mantém 2%, assim como antes; e outros candidatos somam 3% (2% na anterior). Brancos, nulos e nenhum totalizam 10% (7% na anterior).

SEGUNDO TURNO – Nas simulações, na disputa entre Lula e Bolsonaro, o petista aparece com 56% (tinha 58% antes) e o atual presidente mantém os 31% da pesquisa anterior. Brancos, nulos e nenhum totalizam 13% (10% na anterior) e não sabe manteve o mesmo resultado que antes: 1%. Na briga entre Lula e Doria, o ex-presidente soma 55% (56% na anterior) e o governador de São Paulo 22% (23% antes). Brancos, nulos e nenhum somam 22% (20% na anterior) e não sabe manteve o mesmo resultado: 1%.

Bolsonaro também perde para Ciro, que teve 52% (50% na anterior); enquanto o presidente: 33% (34% na anterior); e para Doria, com 46% (mesmo resultado anterior), contra 34% (35% antes).

REJEIÇÃO – Bolsonaro segue com a maior rejeição: 59% (mesmo da anterior). Lula soma 38% (37% na anterior); Doria: 37% (mesmo de antes); Ciro: 30% (31% na anterior); José Luiz Datena: 19% (não incluído na anterior); Eduardo Leite: 18% (21% na anterior); Luiz Henrique Mandetta: 18% (23% antes); Rodrigo Pacheco: 17% (não incluído na anterior); Aldo Rebelo: 15% (não incluído antes); Alessandro Vieira: 14% (não incluído antes); e Simone Tebet: 14% (não incluída antes). Dois por cento dos entrevistados rejeitariam ou não votariam em nenhum dos nomes citados; 1% votaria em qualquer um/não rejeita nenhum (2% na pesquisa anterior); e 1% não soube responder (2% na pesquisa anterior).

20/09/2021

 

Ecovias

ecovias