Copa Kids de futsal em PG segue com partidas em quatro categorias

Até o momento time sub-8 da AFA segue invicto com três vitórias no campeonato

Com a intenção de fazer com que crianças conheçam o mundo do futsal, como funcionam as competições e coloquem em prática o que aprendem nas escolinhas é que acontece a Copa Kids de Futsal em Praia Grande.

 

O evento ocorre desde 24 de julho e a previsão é de que termine na segunda quinzena de setembro. A ideia surgiu através da parceria de cinco escolinhas de futsal da Cidade, com a preocupação de dar oportunidade aos alunos iniciantes, que em muitos casos nunca participaram de um campeonato.

 

Isso a diferencia da Copa Praia Grande de Futsal, que envolve atletas que já estão acostumados a competir. Os jogos são aos finais de semana e cada rodada é sediada em uma das escolinhas participantes da disputa.

 

As partidas divididas em quatro categorias: sub-8 (para nascidos até 2013), sub-10 (nascidos até 2011), sub-12 (nascidos até 2009) e sub-13 (nascidos até 2008).

 

Até o momento a Academia Futsal Arte (AFA), que tem parceria com o Clube de Praia São Paulo (CPSP), segue invicta na sub-8, sem perder nenhum jogo da primeira fase, tendo três vitórias.

 

De acordo com o professor e técnico da AFA, Esdras Sales, conhecido como Pio, o time tem apresentado bom desempenho. “Os jogos estão sendo competitivos e o time da sub-8 não se destaca só pelas vitórias, mas pelo desempenho. Eles têm evoluído bastante, pego entrosamento, disciplina e uma tática de jogo muito interessante”, comenta. Pio é técnico do time junto do professor Pedro Vieira.

 

Pelo ranking, a equipe sub-8 da AFA está com nove pontos, empatando com o Delta. Boca e Vitorria Acbf estão com três pontos cada e o Projeto Pleno Amor aparece em quinto sem pontos.

 

Nas demais categorias, a sub-10 da AFA também está em primeiro lugar com sete pontos, tendo duas vitórias e um empate. Assim como na sub-8, o Delta está em segundo e empatado na pontuação. Depois estão Tudsports (seis pontos), Boca e Vitorria Acbf (três pontos cada) e Pleno Amor (nenhum).

 

Na sub-12 quem está em primeiro é o Delta com sete pontos, duas vitórias e um empate, mesmo número do AFA. Depois estão Vitorria Acbf e Pleno Amor (quatro pontos cada), Tudsports (dois) e Boca (nenhum).

 

Já na sub-13, o AFA está em penúltima colocação com três derrotas e nenhum ponto, ficando só à frente do Tudsports, que tinha duas derrotas em dois jogos. Em primeiro está o Delta com 12 pontos e quatro vitórias. Em segundo o Vitorria (sete pontos) e Projeto Pleno Amor (quatro pontos).

Segundo o professor da AFA, Pio, essas experiências são enriquecedoras para as crianças. “Terão uma ótima vivência nos confrontos. O importante é oportunizar esses momentos, estar junto na vitória, na derrota, e como professor e técnico, a preocupação é tratar os alunos não só pensando no jogo, mas no geral e estar junto dos familiares, parceria que não podemos deixar de lado”, concluiu.

 

23/08/2021

 

Ecovias

ecovias