Peneirando

Bairrismo

Em tom de desabafo, o presidente da Câmara, vereador Marco Antonio de Sousa, o Marquinho (PSDB), enalteceu a importância de unirem forças para eleger deputados da Cidade em 2022. Ele lembrou da importância de ser “bairrista” já que as cidades que possuem representantes nas outras esferas sempre são mais beneficiadas com destinação de verbas. Marquinho finalizou dizendo que seus candidatos são Alberto Mourão para deputado federal ou senador e Cássio Navarro para deputado estadual. Ambos dão do PSDB.

 

Dia da Favela

Pela primeira vez, Praia Grande participou das atividades do Dia da Favela, celebrado na quinta-feira, dia 4. Em parceria com a Central Única das Favelas (Cufa), durante todo o dia foi realizado evento na favela da Porvinha, no Glória, com atendimento jurídico, previdenciário e do Conselho Tutelar além de teatro, música, capoeira, dança, grafite, entre outros. Com o slogan Favela não é carência, favela é potência, o evento é de abrangência nacional e este ano homenageou o cantor Arlindo Cruz, que sempre enalteceu a importância das “favelas”. (na foto)

 

Educa PG

Visando facilitar o acesso ao ensino superior, que no Brasil ainda é muito limitado, o vereador Marcio Glauber Vicente de Oliveira, o Márcio Alemão (PSDB) apresentou anteprojeto ao Executivo sugerindo a criação do programa Educa PG, que consiste em curso preparatório pré-vestibular gratuito para estudantes de baixa renda do Município. Por meio do programa, os alunos teriam aulas, no contraturno escolar, de revisão e aprofundamento dos conhecimentos específicos do ensino médio, em Português (literatura e redação), Sociologia, Matemática, Química, Física, Biologia, Geografia, História e Inglês.

 

Mais iluminação

Em virtude da morte do jovem Italo José Fernades, de 32 anos, em acidente com colisão frontal na avenida Diamantino Cruz Ferreira Mourão, que liga os bairros Melvi e Imperador, os vereadores questionaram a falta de iluminação no local, o que torna o percurso perigoso. A vereadora Vera Benício (PSDB) apresentou requerimento solicitando que o Executivo interceda junto à Elektro para instalação do sistema de iluminação na referida via.

 

Saúde da Mulher

Na quinta-feira, dia 4, às 10h30, a União dos Vereadores da Baixada Santista (Uvebs) realizou reunião virtual com secretários de Saúde da região para alertar sobre a necessidade da capacitação profissional das equipes de atenção básica, para que tenham condições de orientar e diagnosticar casos de endometriose na rede pública. Estima-se que 50 mil mulheres sofram com a doença na Baixada Santista, sem diagnóstico oficial e, portanto, sem acesso ao tratamento.

 

Atendimento desigual

O absurdo é que a referência regional em endometriose é Santos, com atendimento somente no Hospital dos Estivadores, mas pasmem, 60% das vagas são reservadas para pacientes santistas e 40% para moradoras das outras oito cidades da Baixada. Além da mobilização regional dos vereadores, que estão apresentando requerimentos sobre o tema nas câmaras, a Uvebs promove reuniões, incluindo o Departamento Regional de Saúde da Baixada Santista (DIR-IV), em busca da expansão do tratamento para outros hospitais.

 

CROSS no alvo, de novo!

A falta de transparência do atendimento da CROSS continua gerando reclamação na Baixada Santista. Desta vez foi à vereadora de Praia Grande, Michelle Quintas (Republicanos) que apresentou requerimento ao promotor de Justiça Marlon Machado da Silva Fernandes, para que informe qual a situação do Inquérito Civil nº 14.0395.0001850/2018-5 – que apurava eventual lesão à saúde pública em razão da falta de publicidade na divulgação do número de atendimentos disponíveis aos pacientes de câncer do Município; entre outras informações.

 

 

 

 

 

 

Ecovias

ecovias