Atleta Cícero Hulk compartilha experiências no YouTube

Canal foi lançado na segunda-feira, dia 6, e até quarta-feira o primeiro vídeo já ultrapassou as mil visualizações


Enquanto as competições esportivas estão suspensas por conta da pandemia do coronavírus, o atleta de jiu-jitsu de Praia Grande, Cícero Hulk, conseguiu ir além dos treinos em casa e passou a compartilhar sua experiência de vida e rotina por meio de vídeos no YouTube.

O canal foi lançado na segunda-feira, dia 6, e até quarta-feira, dia 8, o primeiro vídeo postado sobre sua história já havia alcançado 1,2 mil visualizações.

Segundo o atleta, a ideia surgiu durante uma conversa com sua equipe multidisciplinar e acredita que com isso poderá incentivar outras pessoas a entrarem no mundo esportivo. “Cito isso no vídeo, porque nem eu acreditava que chegaria a esses resultados em tão pouco tempo. Quem me conhece sabe quanto luto e me dedico, então acredito que qualquer um possa fazer, basta determinação e foco”, afirma.

Interessados em acessar o canal basta procurar no YouTube o canal Cícero Hulk Vivendo do Esporte.

Além da novidade, durante este ano atípico e sem lutas, Hulk também tem realizado transmissões ao vivo pelas redes sociais com participações especial, como da lutadora de UFC Luana Dread; a campeã mundial de boxe Rose Volante, o palestrante Marquinho Menezes, com temas que envolveram motivação, mente de campeão, psicologia, disciplina, entre outros.

Até o momento o atleta já participou de dez lives e acredita que a ação é algo que tem resultados positivo. “O lado bom desse distanciamento foi que abri a mente para uma nova forma de comunicação, e nas lives podemos alcançar quem está longe ou perto, o que permite abrir os horizontes e incentiva as pessoas a conseguir seus objetivo em casa.”

ADAPTAÇÕES – Acostumado a participar de várias lutas por ano, 2020 começou diferente, já que o último campeonato que participou foi o Curitiba Spring International Open IBJJF Jiu-Jitsu Championship, que ocorreu em outubro do ano passado e conquistou medalha de ouro. O atleta luta na categoria médio, até 79 kg, faixa azul.

Por conta disso, Hulk precisou se adaptar a uma nova rotina durante a pandemia. “Com as academias fechadas, falei com meus patrocinadores onde consegui montar uma estação na garagem da minha casa, com um aparelho de musculação, uma esteira, pesos e um banco para abdominal”, conta.

Os treinos acontecem todos os dias, às 7h, para que os horários que seguia não fossem alterados. Hulk comenta que no início foi difícil se acostumar já que tinha três treinos diários. “Fiquei um pouco desmotivado, mas lembrei meus sonhos e planos e logo consegui ter disciplina em casa. Existe diferença entre treinar em casa e na academia, mas estou ativo direto acredito que não perdi o condicionamento.”

Enquanto a pandemia não chegou ao País, Hulk recebeu em janeiro a medalha de destaque esportivo aniversario de Praia Grande, e entre os principais planos para este ano estavam lutar no mundial da Califórnia, nos EUA.

Para o morador de Praia Grande, toda a paralisação gera uma sensação de impotência. “É o que sentimos no momento, pois não podemos mudar, mas espero que tudo volte ao normal para que eu possa dar andamento aos meus planos e projetos”, finaliza.

O lutador é patrocinado pela Blue Med Saúde, Duas Etapas Corretora de Seguros e Leven Farma Manipulação. Também tem apoio da equipe multidisciplinar composta pelo médico ortomolecular Rafael Porto, nutricionista esportiva Stephanie Nunes, Personal Yoga Érica, advogado Tarcisio, dentista esportivo Paulo Henrique de Castro, psicóloga do esporte Paloma de Mello e Assessoria de Marketing @erimarketingdigital.

Mais informações na página do Instagram @cicero_hulk_bjj.

09/07/2020

Texto: Larissa França

Foto: Arquivo Pessoal

 

 

 

Ecovias

ecovias