Grupos de Samba se apresentarão na live Parceiros do Bem desta quinta

Samba de Família será um dos grupos que irá se apresentar na live a partir das 20h30

 

Na próxima quinta-feira, dia 4, a Prefeitura de Praia Grande e Secretaria de Cultura e Turismo (Sectur) promovem mais uma edição da Live Parceiros do Bem, dessa vez com dois grupos de samba da Cidade. A transmissão acontece à partir das 20h30 e desta vez a live Parceiros do Bem, será com os grupos Samba de Família e Samba 7, pelos canais facebook.com/prefeiturapg e youtube prefeiturapg.

Essa terceira edição do projeto contará com os grupos Samba de Família e Samba 7, que se apresentam ao vivo pela internet no palco do Teatro Serafim Gonzalez. Toda a estrutura montada segue as regras de prevenção ao covid-19, como distanciamento, uso de máscara e álcool em gel.

Toda semana, bandas da Cidade podem se inscrever para participar do projeto pelo site www.praiagrande.sp.gov.br, de acordo com o gênero musical programado. Após a inscrição, as bandas passam por votação popular para definição da apresentação na live. A divulgação da abertura das inscrições, bem como das bandas vencedoras da votação, acontece via redes sociais oficiais da prefeitura.

Durante a live, um canal de doação de cestas básicas ou produtos de higiene fica aberto ao público através do whatsapp 133496-5168, já que o intuito do projeto é a arrecadação desses itens, para serem doados ao Fundo Social de Solidariedade.

De acordo com o o secretário de Cultura e Turismo, Esmeraldo Vicente dos Santos esta campanha está sendo muito importante para ajudar a todos. “A campanha Parceiros do Bem vem arrecadando doações para famílias em vulnerabilidade social, e, com a live, podemos atingir um número maior de doações, e ainda levar diversão de qualidade ao público, que pode assistir e prestigiar os artistas de nossa Cidade”, afirma.

Além das doações feitas durante a live, a campanha possui ainda 19 postos de arrecadação distribuídos na Cidade. Saiba onde doar: http://www.praiagrande.sp.gov.br/pgnoticias/noticias/noticia_01.asp?cod=51211

04/06/2020

 

 

Ecovias

ecovias